Tanamoda - Blog de moda e beleza: Saiba tudo sobre o ultrassom transvaginal com preparo intestinal

Saiba tudo sobre o ultrassom transvaginal com preparo intestinal


Saiba tudo sobre o ultrassom transvaginal com preparo intestinal

Saiba tudo sobre o ultrassom transvaginal com preparo intestinal: O ultrassom transvaginal com preparo intestinal é um exame muito solicitado por médicos ginecologistas. Certamente você já deve ter ouvido falar deste exame. Veja a seguir mais detalhes sobre o preparo intestinal e outras orientações para você que precisa realizar o exame transvaginal.

O principal objetivo do ultrassom transvaginal com preparo intestinal é detectar a presença da temida e dolorosa endometriose. Então, se você foi ao ginecologista e há suspeita de endometriose, certamente terá que ser submetida ao exame.




Mas, afinal qual a diferença entre o ultrassom transvaginal e o ultrassom transvaginal com preparo intestinal?


Primeiramente, este tipo de exame exige um profissional mais qualificado para a realização do procedimento. Isso porque, a endometriose é uma doença difícil de ser diagnosticada e para detectá-la, é preciso médicos bem treinados.

Em seguida, há a possibilidade de realizar o exame via transvaginal ou via abdominal. Com este protocolo de exame, é possível detectar outras lesões causadas pela endometriose, em lugares menos comuns, como a parede abdominal, diafragma, apêndice e região umbilical.

E por fim, por ser mais abrangente, o ultrassom transvaginal com preparo intestinal pode durar mais tempo que o ultrassom transvaginal comum. Um exame completo pode durar mais de 30 minutos. Entretanto, é o exame essencial para detectar e tratar a endometriose.

Ultrassom transvaginal com preparo intestinal: Orientações gerais

  • A primeira orientação para quem tem suspeita de endometriose e o médico solicitou um ultrassom transvaginal com preparo intestinal é procurar uma clínica especializada (Clínica Dr. Fernando Guastella). E para a realização do exame, é preciso seguir às seguintes orientações:
  • Usar ou levar roupas confortáveis e que favoreçam a exposição da área a ser examinada. 
  • Levar exames anteriores referentes à doença que pretende diagnosticar.
  • Levar o pedido de exame solicitado pelo seu médico.
  • O exame deve ser realizado, preferencialmente fora do período menstrual, exceto em casos de extrema urgência ou por recomendações médicas.
  • A bexiga deve estar vazia ( não ingerir líquidos antes, preferencialmente).
  • Em caso de realizar o ultrassom via abdominal no mesmo dia, depois do exame transvaginal, poderá ingerir líquidos para encher a bexiga.


Como fazer o preparo intestinal para realizar o exame?


Durante o dia que antecede o exame, é necessário manter uma dieta, deixando de ingerir alimentos com resíduos. Ou seja, durante a véspera do exame, você poderá ingerir os seguintes alimentos:

  • Líquidos como: água, suco de frutas coado, café e chás. 
  • Bebidas isotônicas como Gatorade, água de coco, gelatina simples (sem pedaços de frutas).
  • Bolacha água e sal, pão francês e suspiro.
  • Macarrão alho e óleo ou com molho de tomate (sem carnes ou queijos), purê de batata e arroz branco. 
  • Você deverá evitar: Verduras cruas, saladas de folhas, quaisquer derivados de leite, pães integrais, frituras, frutas, feijão, milho, grão-de-bico ou qualquer outro grão ou semente. 
  • Além destas orientações, recomenda-se tomar 01 comprimido de laxante às 8 horas e outro às 14 horas. Caso o medicamento cause cólicas ou dores abdominais, é possível fazer uso de algum outro medicamento para cólicas,  de acordo com a recomendação do seu médico. 
  • Depois de todo o preparo, é só realizar o exame normalmente e seguir as orientações do seu médico.

2 comentários: